I've loved and I've lost
♡ Ela o chamava de anjo. Ele a protegia como um.
Para o amor, fazer propaganda boa e perda de tempo. Amar é gostar das qualidades e ser apaixonado pelos defeitos.
Thiago Guedes. (via sutilizar-se)
Amar, amar você até você se amar, e me amar.
Jorge e Mateus.  (via sou-inseguro)
Esse é o nosso mundo, onde o demais nunca é o bastante e a primeira vez é sempre a última chance.
Legião Urbana.   (via tequilizarei)
Talvez tivesse que ser assim.
A Hospedeira (via tequilizarei)
Pessoas costumam dizer que tudo que acaba não foi verdadeiro. Talvez um dia uma amizade de vinte anos acabe, cada um vai pro seu lado e faz novos amigos, talvez um dia o amor da sua vida se canse e vá embora, conheça outra pessoa e fique com ela, um dia seus pais morrerão, um dia, todas as pessoas que você ama terão ido embora, a intensidade das coisas não pode ser determinada pela quantidade de tempo que elas duram, o big bang durou alguns instantes, mas suas consequências se arrastam até hoje, somos a poeira do mundo, a vida é um sopro, quando vemos, já se foi. Cada um sabe o que carrega dentro do coração e sabe melhor do que ninguém o quanto amou. A pessoa que disse que um casal juntos há vinte anos se ama mais que um de um casal juntos há mês estava errado. O ventilador funciona por causa da perturbação do ar que ele provoca, ele começa a girar e bate em uma molécula que bate na outra, que bate na outra, que bate na outra, formando uma cadeia infinita. Nossa matéria não é eterna, um dia os músculos atrofiam, a pele fica insossa, a beleza se vai, e um dia tudo apodrece, mas os nossos sonhos e sentimentos são como o ventilador, causam uma perturbação cósmica que perdurará para sempre, nossa carne se vai, mas os sonhos que nós sonhamos transformam-se em oxigênio que trará vida a outras pessoas, nossos sentimentos transforma-se-ão em luz, como estrelas, que guiarão e trarão esperança a mais pessoas. Uma amizade pode ter fim, um amor pode acabar, acabar neste plano limitado que costumamos chamar de vida, mas tornam-se eternos em um plano maior e mais sofisticado. O fim das coisas nunca servirá para explicar absolutamente nada, existir, viver, sonhar e produzir sentimentos e pensamentos vai muito além da nossa própria capacidade de entender-mos isso. Apesar de penoso, viver é essencialmente miraculoso, fabuloso e excelso, não somos uma simples obra do acaso, não somos folha seca jogadas ao vento. Nem tudo que termina tem um fim, aplausos, somos o detentores da eternidade.
Cristian.   (via sou-inseguro)
Mas eu precisava ficar esperta. Cidade nova. Escola nova. Dessa vez, eu ia controlar o modo como as pessoas me enxergavam. Afinal, quantas vezes a gente tem uma segunda chance?